Translate

16 outubro 2012

20 Profissões que poderão ser extintas até 2020, confira.


Profissionais afirmam que algumas profissões irão sumir do mercado de trabalho até 2020. Claro que será de forma gradual, mas há de se pensar se isso é real, afinal pensávamos tantas coisas décadas atrás e que hoje não se confirmaram.  De qualquer forma é bom ficar alerta e continuarmos nos reciclando e preparando melhor para as exigências dos novos mercados.

A tecnologia nos força o surgimento de novas profissões e torna outras obsoletas (desnecessárias ou dispendiosas para a empresa). Vejamos como exemplo os cortadores de cana - uma colhedora de cana substitui o trabalho de cem cortadores de cana; a produção cresce e o número de trabalhadores rurais diminui.
Fica claro que a mecanização desemprega e atinge justamente as pessoas sem escolarização (maioria analfabeta), que não conseguem ser absorvidas por outras formas de trabalho. Os dias dos cortadores estão contados, inclusive antecipados para que a profissão seja extinguida até 2014. 
A revista Forbes, especializada em economia e finanças, divulgou recentemente lista que prevê a extinção de profissões provavelmente extintas, gradativamente, até 2020. A pesquisa foi baseada em dados apresentados pelo governo americano que antevê um desgaste considerável no número de profissões que exigem baixa qualificação do profissional, como assistentes  administrativos, costureiras, agricultores, técnicos e operadores de computadores, entre outras. O mercado, cada vez mais competitivo e tecnológico, tende a exigir  trabalhadores mais qualificados e preparados.  As novas e promissoras profissões precisam de especialização e atualização constante dos profissionais para que sejam bem executadas.
Segundo a Forbes esta é a lista de profissões que serão extintas até 2020:

1 - Agricultor, fazendeiro ou gerente no setor
2 - Carteiros, separador e operador de serviços postais
3 - Operador de máquina de costura
4 - Operador de painel de controle
5 - Cozinheiro de rede de fast food
6 - Pescador e silvicultor
7 - Processador de dados
8 - Digitador
9 - Vendedor de porta em porta, jornaleiro e vendedores de rua
10 - Gerentes e administradores de restaurantes
11 - Montadores de equipamentos elétricos ou eletrônicos
12 - Arquivologista ou Arquivista
13 - Técnicos de impressão
 14 - Operadores de computador
15 - Gerentes e superintendentes de serviços postais
16 - Assistentes de escritório
17 - Técnicos de produção da indústria têxtil
18 - Floristas
19 - Operadores de refinarias e extração de petróleo
20 - Consultores financeiros de empréstimos

Não acredito que todas as profissões listadas sejam realmente excluídas, algumas serão transformadas.  Imagine o mercado de vendas porta a porta ser excluído do mundo.  É um mercado forte, para se ter uma idéia o Brasil só fica atrás do Japão e Estados Unidos – é o terceiro mercado do mundo atualmente.  Os especialistas alegam que as vendas pela TV e internet roubaram o espaço do mercado porta a porta. Fico pensando nas vezes que recebi produtos comprados por estes meios e fiquei insatisfeita , ao procurar a empresa (isso quando tem o 0800 para reclamações)  tive grande dificuldade em devolver ou conseguir uma troca de produto defeituoso ou que não condizia com a propaganda, isso tudo sem falar na perda de tempo.  Todo este transtorno por não ter visto o produto pessoalmente. Não podemos julgar todo tipo de compras mas muitas traz transtornos incalculáveis sim senhor.
Agora vamos tomar outro exemplo: você quer comprar um perfume Natura de uma consultora, ela vai até sua casa/trabalho faz a demonstração do produto e a pessoa faz uma compra certeira porque viu o produto e experimentou. Tem vendedoras que já andam com máquinas de cartão de crédito o que facilita o pagamento.  Suponhamos que ao usar o produto você ache que com o passar do tempo ele te causou alergia, basta ligar no 0800, que já vem estampado nas embalagens do produto.  Os atendentes irão te entrevistar para notarem o que te ocorreu e no final te enviam um novo produto sem nenhum custo ou devolvem seu dinheiro.  Perceba que o  transtorno se deu por conta de uma alergia particular até então desconhecida e não por surpresas ao abrir a caixa do produto, além do mais eles resolvem os problemas sem grandes complicações.
Olhando por estes ângulos penso que ainda que vendas por TV e pela internet cresçam bastante o mercado porta a porta ainda terá seus adeptos. Vamos esperar para ver, o importante de tudo isso é ficarmos alertas e continuarmos nos reciclando e preparando melhor para as exigências dos novos mercados.

Você pode ler mais no site: http://oglobo.globo.com/emprego/as-profissoes-em-extincao-as-mais-promissoras-no-momento-6025812#ixzz291NNT2Ts
  
Janei Pereira